Mobile: tendência que transformou a web

A utilização de dispositivos mobile, ou móveis, já deixou de ser considerada como uma forte tendência para o futuro, para se tornar uma realidade totalmente perceptível em nosso dia a dia.

Esse é um fenômeno mundial. E inclusive no Brasil, pesquisas sobre a população revelam dados importantes que confirmam o crescimento desse comportamento. Por exemplo, a Pesquisa Nacional por Amostra em Domicílios (PNAD), realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelou que cerca de 80% dos acessos à internet nos domicílios brasileiros são feitos através de dispositivos mobile (smartphones e tablets).

No site Teleco, estão divulgadas algumas informações complementares dessa pesquisa nos anos de 2013 e 2014 e de anos anteriores. O gráfico a seguir demonstra uma ideia da evolução da utilização do mobile nos domicílios brasileiros:

acessoa internet nos domiciíios brasileiros

2015, o ano da revolução mobile

O que vinha sendo verificado nos relatórios de Marketing Digital já a algum tempo, acabou sendo comprovado nesses índices. Mais do que isso, o crescimento da demanda por acessos mobile no mundo inteiro fez com que o próprio Google fizesse uma importante atualização de seu algoritmo de ranqueamento nesse sentido.

Essa atualização é capaz de, não somente favorecer os sites que possuíssem design responsivo, ou seja, que seja adaptável para as diversas telas de dispositivos mobile (celulares, tabletes e outros), mas inclusive, “penaliza” sites que não possuam tal adaptação. O Google fez a recomendação em seu Blog (clique e confira o artigo), destinados a Webmasters, com aviso prévio.

Essa atualização, feita no final de 2014, gerou uma verdadeira “corrida” pela adaptação das páginas aos formatos mobile. Talvez esse tenha sido um dos catalisadores dessa revolução Mobile no ano de 2015, que levou várias lojas online criarem seu E-commerce e aplicativos capazes de atender a esse novo comportamento dos consumidores.

Algumas dicas para pensar mobile

Para aproveitar toda a capacidade dos dispositivos móveis é necessário que sua estratégia receba algumas “adaptações”, assim como sua página. Em suma, três aspectos são essenciais de serem observados, são eles:

SEO

Em um primeiro momento, as atenções se voltam para o SEO. Ter um site mobile se tornou hoje importantíssimo para um bom posicionamento de sua página nos resultados do Google, algo realmente essencial. Se você precisa de ajuda na conversão de seu site converse conosco da Pulse, estaremos prontos a te atender (contato).

Conteúdo

O segundo aspecto é o conteúdo. Você deve se preocupar em produzir um conteúdo adaptado a versões móveis. Não simplesmente ao tamanho da tela, mas também ao formato desse conteúdo. Lembre-se que a internet para dispositivos mobile nem sempre é de qualidade, podendo ser resumida, por isso crie posts leves e configurações que se adequem a sua página e as necessidades e limitações do seu usuário.

Conversão

Uma dificuldade que surge é como converter através dos dispositivos móveis. Mais uma vez, entra a questão de uma adaptação as limitações do dispositivo, não tanto em internet, mas em interação. Links muito próximos, excesso de informação e texto, tudo isso dificulta a conversão do seu lead. Por isso crie landing pages diferentes para o tráfego vindo de dispositivos mobiles e do desktop.

Essas três questões são as principais para que você adapte sua estratégia de Marketing Digital para o comportamento do usuário oriundo de dispositivos móveis.

Conclusão

O crescente aumento desse tipo de acesso promete mudar a forma de interagir na internet, por isso sua estratégia precisa ser, também, “responsiva” e atualizada. Pense sempre na experiência do usuário e você dificilmente irá errar. Na internet tudo acontece em uma velocidade incrível, esteja preparado e tenha muito sucesso!

Nós da Pulse, temos verificado no nosso dia a dia as incríveis mudanças que a essa cultura emergente (mobile) tem trazido ao marketing digital. Se você precisar de ajuda com o Marketing Digital da sua empresa e negócio, sinta-se à vontade para entrar em contato conosco, nós podemos te ajudar!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *