O segredo para atrair mais prospects e clientes

Atrair mais prospects e clientes é, sem dúvidas, o grande objetivo de qualquer estratégia de marketing. Infelizmente, quando se trata de marketing voltado para internet, ou seja, Marketing Digital, muitas pessoas tem uma ideia bastante distorcida de como alcançar esse objetivo.

Primeiro, entenda que não estamos falando em atrair tráfego para a sua página web (site, blog, portal), curtidas nem seguidores nas redes sociais, estamos falando de como atrair reais prospects, pessoas que tem grande chance de se tornar clientes e também, dependendo da sua estratégia, verdadeiros propagadores da sua marca, dos seus produtos ou serviços.

É justamente esse o foco desse artigo, mostrar a vocês o segredo para alcançar esses resultados. Então, vamos lá!

O grande segredo para atrair mais prospects e clientes

O grande segredo para atrair mais prospects e clientes para o seu negócio através da internet é: conheça muito bem seu público. “Conhecer muito bem o público? Mas isso todo mundo sabe”, você pode estar pensando. Sim, é verdade, todo mundo sabe, mas poucos põe em prática.

O problema de verdade não é “conhecer muito bem o público”, mas sim, como fazer. Muitas pessoas têm falhado justamente na identificação das reais demandas e comportamento dos seus públicos de interesse, e é justamente sobre esse ponto que vamos discutir.

Mas antes de te ensinar como fazer esse levantamento de forma correta e eficaz, vamos te apresentar a um novo conceito de público.

Conceito de público (Persona)

No Marketing Tradicional e na Publicidade e Propaganda, é muito comum o conceito de Público Alvo. É a ideia de grupos de indivíduos segmentados por suas atividades de consumo e características comuns. Isso quer dizer que Público Alvo depende muito mais de questões demográficas e comportamentais do que necessariamente o “fator humano” dessas pessoas.

Já no Marketing Digital, mais especificamente no Inbound Marketing, o conceito utilizado para se identificar os públicos se chama Persona. Esse é o tipo de estratégia que adotamos aqui na Pulse.  Para identificar uma Persona, você deve conhecer os fatores e variáveis que são relevantes (embora muitas vezes imprevisíveis) na compreensão da jornada do comprador.

De forma mais clara, Público Alvo é uma representação genérica de um grupo de indivíduos onde se encontram seus potenciais clientes (prospects), já a Persona, é uma representação fiel e completa do tipo de cliente ideal para sua empresa. Com a Persona você consegue obter informações, não somente demográficas e estatísticas, mas principalmente, do comportamento desses indivíduos no momento do consumo e quais os fatores contribuem para a ação.

Identificando uma Persona

Não existe outra forma de se identificar uma Persona que não seja através da pesquisa de público. A forma mais indicada é a feita através de entrevistas (Buyer Persona), mas essas pesquisas são caras e muitas empresas não tem como fazer esse tipo de investimento. Por isso cabe a criatividade. Existem opções de pesquisas e divulgação de formulários online, pesquisas de empresas e etc. Mas basicamente você tem três opções para levantar os dados necessários:

  • Pesquisas e entrevistas;
  • Pesquisas com clientes (caso sua empresa já tenha clientes, e você deseje continuar a trabalhar esse mesmo público)
  • Pesquisas Online (Google Forms, Grupos em redes sociais, enquetes);

Muitas são as possibilidades para realizar essas pesquisas, o que você não pode fazer nunca é tentar adivinhar dados ou recorrer somente a dados estatísticos. O que realmente importa na escolha do produto ou na utilização de um serviço é um fator humano que é geralmente imprevisível.

Lembre-se, quanto mais completa for a sua pesquisa, menos erros você irá cometer em sua estratégia, e isso significa poupar tempo e dinheiro na obtenção dos seus resultados.

Documente sua Persona

Documentar sua estratégia sempre será necessário, ainda mais o resultado de uma pesquisa tão completa quanto a que leva à construção de uma Persona, e documentar uma persona pode ser algo muito interessante. Por exemplo, você pode criar personagens e colocar as informações como se falassem sobre àquela pessoa, dessa forma, cada vez que for necessário uma revisão estratégica ou a consulta para a produção de um conteúdo destinado aquele público em questão, basta que você faça uma rápida consulta daquele “personagem”.

Nessa documentação da persona você deve buscar responder a algumas questões básicas, como:

  • Nome (fictício);
  • Sexo (de acordo com a maioria, caso haja um equilíbrio você poderá criar duas personas, uma para cada sexo);
  • Idade (dê uma idade à sua persona, não faixa etária);
  • Informações demográficas (cidade, renda, nível cultural);
  • Aspectos culturais relevantes (sempre existem aspectos culturais que influenciam grandemente nas relações de consumo, por isso busque identifica-los e documenta-los)
  • Informações sobre trabalho (profissão, formação, interesses e objetivos);
  • Relação com o serviço ou produto em questão (o que influencia na escolha, experiências anteriores com outras marcas)
  • Necessidade comunicacionais (quais as mídias utiliza, quais meios de comunicação mais influenciam na decisão de compra, que tipo de conteúdo preferem consumir)
  • Relacionamentos (o estado civil tem grande impacto no estilo de vida e nas relações de consumo, filhos também, mas identifique como essas relações interpessoais influenciam nas decisões de compra)

Claro que em sua pesquisa você poderá identificar fatores muito mais importantes, essa são somente algumas informações cruciais para o desenvolvimento e documentação da sua persona.

Conclusão

Agora que você já tem um profundo conhecimento sobre seu público e suas demandas, pode iniciar a segunda etapa, se tornar “encontrável” por ele. Como você faz isso? Criando conteúdo, iscas, que atendam ás necessidades dele, para que você possa apresentar sua empresa a eles e criar um relacionamento com essas personas.

Para otimizar suas chances de atrair esses potenciais clientes, você precisa compreender a jornada do comprador. Essa jornada é baseada nas informações que você recolheu durante a identificação da sua Persona. Mas isso é assunto para outro artigo, por se tratar de um conteúdo denso.

Esperamos que esse conteúdo tenha sido útil para o sucesso da sua empresa. Sinta-se à vontade para tirar qualquer dúvida, deixar um comentário ou entrar em contato com um dos nossos consultores.

Até a próxima!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *